Convite – lançamento do livro Amores Quase Perfeitos

(…)
Sei que mais tarde ela resolvera mudar radicalmente a sua postura. Ingressou numa clínica e soube que quando saiu três meses mais tarde, estava irreconhecível. Afastou-se de todas as amigas, se alguma vez o foram, que conhecia e penso que se mudou para perto da filha mais nova e do neto. Seguiu o seu caminho sem ter ninguém para cuidar. Montou uma pequena empresa e passou a ser dependente apenas de si. Dizem que arranjou um namorado, todavia nunca quis partilhar o mesmo tecto com ele, pois agora vivia apenas consigo! Finalmente!
(…)

Fátima Freitas
In “Amores quase perfeitos”

This entry was posted in Geral and tagged , , , , . Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s