1915 – O Ano do Orpheu

Cem anos volvidos sobre um dos grandes marcos culturais do século XX europeu, este livro, reunindo diferentes ângulos de observação, procura reconstituir Portugal em torno do ano de 1915.

Se a revista Orpheu nasce em 1915, a verdade é que a sua origem remonta aos anos anteriores e a sua influência se prolongou até ao nosso tempo. Para retratar o clima intelectual e cultural em que se movimentou a «geração Orpheu», os autores deste volume expandem as fronteiras temporais e geográficas: as histórias aqui contadas não se limitam a esse ano simbólico, nem ao perímetro compreendido entre o restaurante Irmãos Unidos e o Chiado. Em «1915 — O Ano do Orpheu» descobrimos também, por exemplo, os pontos de encontro londrinos e parisienses de vorticistas, cubistas, futuristas e órficos. Compreendemos assim que a revista Orpheu representa não apenas uma revolta contra a tradição artística do país, mas também o espírito europeu e as típicas confluências culturais e intelectuais das primeiras décadas do século XX.

http://www.tintadachina.pt/book.php?code=63b9c5851dfd3681a292938764e56a84

This entry was posted in Literatura and tagged , , , . Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s